Alerta Meteorológico de perigo de tempestade como um aviso meteorologico inmet é importante para avisar a população sobre eventuais catástrofes. Um estudo de  L. Creton-Cazanave publicado em Advances in Science and Research aborda o assunto.


Alerta Meteorológico de perigo de tempestade.

Alerta Meteorológico de perigo de tempestade
by Pixabay

Nas últimas décadas, as inundações causaram perdas de vidas e propriedades em todo o mundo (por exemplo, na França, 23 baixas no evento de 2002 da Gard). Ligadas a eventos extremos de chuvas, as enchentes repentinas representam uma grande ameaça, e provavelmente se tornarão mais importantes devido à mudança climática esperada. 

Nos países ocidentais, muitas ferramentas ajudam a reduzir os impactos das inundações repentinas: estruturas de controle de enchentes, educação, planejamento do uso da terra, alerta. . . Entre eles a advertência (Alerta Meteorológico de perigo) continua sendo uma maneira efetiva de reduzir as perdas durante as enchentes. 

Apesar da grande melhora dos últimos 30 anos, as advertências das enchentes continuam sendo criticadas por sua ineficiência ou imprecisão. O evento de setembro de 2005, no Gard d´epartement, da França, deu um novo exemplo dessas críticas. 

Muitos estudos enfatizam a necessidade de uma abordagem integrada sobre o processo de alerta, desde melhorias na previsão até questões sociais. De fato, a chamada abordagem clássica de advertência tende a separar o processo de advertência em dois mundos distintos, e assim perde uma parte do processo de alerta. 
Na pesquisa o estudo do processo de alerta de enchentes na bacia de Vidourle, no Gard d'epartement (Sul da França), permite enfatizar a necessidade de uma abordagem integrada que dependa de uma estrutura de estudo comum para todas as partes interessadas. 

Neste trabalho, os autores se concentram no uso das informações por parte dos interessados, emitido pelo serviço meteorológico francês “Metéeo´França”, baseando-se nos dados de nossa pesquisa de tese. A primeira seção define as principais características da “abordagem clássica”. A segunda seção expõe nosso estudo pragmático do processo de alerta. Finalmente, os primeiros resultados demonstrando o interesse de usar a mesma estrutura para o estudo de todos os interessados ​​no processo de alerta serão discutidos.

Fonte:

L. Creton-Cazanave Warning! The use of meteorological information during a
flash-flood warning process Adv. Sci. Res., 3, 99–103, 2009 <https://www.adv-sci-res.net/3/99/2009/asr-3-99-2009.pdf>



Compartilhe esta postagem em suas Redes Sociais!

.
Aproveite e veja outras publicações!
Confira as mais lidas na barra lateral.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

0 comentários:

Postar um comentário

 
Top